Monsenhor Dirceu divulga mensagem a toda Diocese de São João del-Rei

Na manhã desta sexta-feira, 29, o Bispo Eleito de Camaçari, Monsenhor Dirceu de Oliveira Medeiros, durante o atendimento a imprensa da região, divulgou uma mensagem calorosa a toda a Diocese de São João del-Rei. Acompanhe na íntegra:

Brasília, 29 de outubro de 2022

“O sacerdote é um homem, de carne e osso, que nasce em um certo contexto humano; ali aprende os primeiros valores, absorve a espiritualidade do povo, se habitua às relações. também os padres têm uma história, não são ‘cogumelos’ que brotam improvisadamente na catedral no dia da ordenação”.

(Papa Francisco)

Com esse pensamento do Papa Francisco quero me dirigir à Diocese de São João del-Rei com sentimento de gratidão. Não posso me esquecer de minhas origens, de onde brotaram minhas raízes! Nesta querida Diocese, que a pouco completava 60 anos de criação, nasci e cresci na fé, nesta porção do povo de Deus aprendi a ser discípulo do Divino Mestre. Nesta mensagem trago à memória muitos que já estão na glória e deixaram sua marca nessa história. Por eles, Bispos, Padres, Religiosos e Leigos nossa oração e gratidão. Lembro, com saudades, de alguns nomes: Dom Antônio Carlos Mesquita, Dom Célio de Oliveira Goulart, Mons. Sebastião Raimundo de Paiva, Pe. Luiz Eustáquio do Nascimento, Pe. Fábio José Damasceno, Pe. Pedro Teixeira Pereira e tantos outros.

Minha gratidão a Dom José Eudes, nosso Pastor e para mim mais do que isso, um amigo e irmão. Fiquei tocado coma mensagem de V. Ex.ª no dia de minha nomeação. Pude ver a sua alegria! Obrigado! Não me esqueço de sua proximidade e atenção junto a mim por ocasião do falecimento de minha mãe, atitude que demostra a autenticidade de seu coração de pastor. Sua presença e apoio em minha vida me confortam e me animam nesse momento novo de minha história.

Louvo a Deus pela minha cidade natal, minha querida Paróquia de Sant’Ana do Barroso, onde dei os primeiros passos na fé. Lugar sagrado onde o Senhor da Messe forjou minha vocação e me fez experimentar a graça de segui-lo. Sou grato a todos os barrosenses: minha família, meus amigos, minhas catequistas, aos leigos e leigas com os quais pude conviver. É claro que minha memória não poderia deixar de ser povoada pela exemplar figura do Cônego Luiz Giarola Carlos, sacerdote que me introduziu na vida pela graça e me encaminhou na fé. Grande homem, de ampla envergadura, que muito me marcou e marcou aos da minha geração. A ele meu obrigado por me ajudar a dar os primeiros passos.

Meu louvor também pelo meu processo formativo, vivido no nosso Seminário São Tiago. Tempos de luta, marcados por uma vida simples e modesta em nossa casa em Juiz de Fora. Marcados também por alegrias, amizades e realizações.

Agradeço ao meu presbitério saudando afetuosamente a  todos os irmãos padres. Os mais experientes: referência pra mim! Os de minha idade: companheiros de jornada! Os mais jovens: alegria e esperança. Sempre os terei na conta dos meus diletos.

Meu sentimento de gratidão é também pelas paróquias por onde passei e atuei: a Paróquia Santuário do Senhor Bom Jesus de Matosinhos e a querida paróquia de Nossa Senhora da Conceição de Prados. Aos pastores de fiéis dessas paróquias meu afeto e minhas constantes preces.

Nesta Diocese pude atuar, por 12 anos como Vigário Geral de três bispos. Agradeço a Deus esta oportunidade de poder aprender no exercício deste encargo. De janeiro de 2018 a janeiro de 2019 exerci a função de Administrador Diocesano possibilitando-me um contato grande com o clero e com o povo: as reuniões, as crismas, as convivências, um verdadeiro tempo de graça. Agradeço aos que colaboraram comigo nessas missões, em especial os funcionários da Cúria Diocesana.

Por tudo isso elevo ao Senhor, rico em misericórdia, um hino de ação de graças e agradeço o carinho e as orações de cada um de vocês.

Aproveito para renovar meu convite aos senhores padres para minha Ordenação Episcopal no dia 04 de dezembro, às 09h:30 na Catedral Basílica de Nossa Senhora do Pilar. A celebração será restrita devido a pandemia, porém transmitida pelas mídias sociais.

Em diálogo com Dom José Eudes proponho celebrar em todas as Foranias, em minha terra natal e nas comunidades onde atuei. Oportunamente apresentarei uma proposta de calendário e assim terei oportunidade de me encontrar com os irmãos padres e as comunidades.

Estejam certo de minha amizade e minhas orações e espero contar com as orações de todos! Que a Virgem do Pilar interceda junto a seu Filho Jesus por nós.

 

Monsenhor Dirceu de Oliveira Medeiros

Bispo Eleito de Camaçari

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui